Equidade é Prioridade Gênero visa aumentar a quantidade de mulheres em cargos de alta liderança (a partir de gerência-sênior). Para isso, convidamos as empresas a assinarem um documento que estabelece metas claras para suas operações:

  • ter 30% de mulheres ocupando cargos de alta liderança até 2025, ou;
  • ter 50% de mulheres em cargos de alta liderança até 2030.

Este é um compromisso público, as empresas que assinam prometem a colaboradores e colaboradoras, à comunidade empresarial e à sociedade trabalhar para resolver a questão da desigualdade de gênero. O movimento Equidade é Prioridade Gênero está alinhado à Meta 5.5 dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS): garantir a participação plena e efetiva das mulheres e a igualdade de oportunidades para a liderança em todos os níveis de tomada de decisão na vida política, econômica e pública.

Para participar do movimento, as empresas precisam:

  1. Ser signatárias da Rede Brasil do Pacto Global (se a sua empresa não é signatária, saiba mais aqui);
  2. Manifestar o compromisso com a meta escolhida (30 ou 50%) por carta, assinada pelo ou pela CEO da empresa e encaminhada à Rede Brasil do Pacto Global.

Encontre um modelo de carta-compromisso aqui. Basta assinar e enviar aos cuidados de Gabriela Almeida, ponto-focal da nossa Frente Temática em Direitos Humanos e trabalho: gabriela.almeida@pactoglobal.org.br. As empresas que assinarem terão visibilidade no site e redes sociais da Rede Brasil do Pacto Global.

 

Comunicação de avanços

A empresa que assumir o compromisso deve realizar um assessment na Ferramenta de Análise de Lacunas de Gênero dos Princípios de Empoderamento das Mulheres (WEPs). Esta é uma plataforma on-line gratuita, fácil de usar e confidencial (os dados preenchidos ficam em poder da própria organização). A ferramenta ajuda as empresas a avaliar políticas e programas atuais, pontos de melhora e oportunidades para definir metas e objetivos corporativos futuros. A plataforma é gerenciada pelo Pacto Global e foi desenvolvida em colaboração com a ONU Mulheres e o Fundo Multilateral de Investimentos do BID.

Anualmente, quem preenche a ferramenta deve reportar os avanços alcançados na inserção de mulheres em posições de liderança. No âmbito do movimento Equidade é Prioridade, pediremos uma comunicação em todos os meses de março até 2025 ou 2030, dependendo da meta escolhida pela empresa.

As empresas que estiverem avançando pela equidade serão reconhecidas pela Rede Brasil do Pacto Global em eventos, no site e redes sociais da iniciativa.

Conheça abaixo as empresas que assinaram o compromisso com o Equidade é Prioridade e acompanhe a evolução das suas metas por mulheres em cargos de liderança.

 

Empresas e metas

Meta para 2025: 30%
Status em 202175%

Meta para 2030: 50%
Status em 202133%

Meta para 2025: 30%
Status em 202122%

Meta para 2030: 50%
Status em 202166,67%

Meta para 2025: 30%
Atual: 23%


Meta para 2025: 30%
Atual: 25%


Meta para 2025:
30%
Atual: 24,7%


Meta para 2025:
30%
Atual: 30%


Meta para 2030:
50%
Meta para 2025: 30%
Atual: 33%


Meta para 2025:
30%
Atual: 41%

 


Meta para 2030:
50%
Meta para 2025: 30%
Atual: 70%


Meta para 2025:
30%
Atual: 24%


Meta para 2025:
30%
Atual: 15,79%


Meta para 2030:
50%
Meta para 2025: 30%
Atual: 43%


Meta para 2025:
30%
Atual: 28%


Meta para 2030:
50%
Atual: 38%


Meta para 2025:
30%
Atual: 39%


Meta para 2025:
30%
Atual: 28%


Meta para 2025:
30%
Atual: 19%


Meta para 2025:
30%
Atual: 12%


Meta para 2025:
30%
Atual: 20,7%


Meta para 2025:
30%
Atual: 25%


Meta para 2025:
30%
Atual: 18,9%



Meta para 2025:
30%
Atual: 23%


Meta para 2025:
30%
Atual: 50%


Meta para 2025:
30%
Atual: 24,5%

As empresas podem participar de um programa internacional de capacitação desenvolvido pelo Pacto Global e ONU Mulheres. Trata-se de uma iniciativa de 12 meses composta por workshops (online e presenciais), palestras, monitoria e engajamento com alta liderança que ajudam as empresas a atingir a meta ambiciosa para a alta liderança.

Como o tema é considerado prioritário dentro da estrutura mundial do Pacto Global, os resultados locais da iniciativa são divulgados em reuniões de alto-nível, incluindo eventos realizados durante a Semana da Assembleia Geral da ONU (setembro), o Fórum dos Princípios de Empoderamento da Mulher (WEPs) durante a Comissão sobre o Status da Mulher, a Leaders Summit e os eventos regionais Making Global Goals Local Business (MGGLB). 

Inscrições para a rodada 2021: empresas interessadas em participar de próximas edições podem entrar em contato com gabriela.almeida@pactoglobal.org.br

Em 2020, o programa também foi aplicado em outros países: Chile, Costa Rica, Croácia, Equador, Índia, Indonésia, Japão, Jordânia, Quênia, Líbano, México, Paraguai, Portugal, República da Coreia, Rússia, Espanha, Sri Lanka, Turquia e Reino Unido.

Empresas participantes da edição 2020 no Brasil: Carrefour, CMPC, Falconi, Furnas, Grupo Cene, Klabin, Machado Meyer, Natura, Ocyan, PWC, Special Dog Company, Suzano, Uber e VLI

 

 

 

 

NOSSOS PARCEIROS

APOIADORES INSTITUCIONAIS

Grupo Boticário
MRV
Klabin