Entre 31 de outubro e 12 de novembro de 2021 acontece a Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP). Este é o principal fórum global para discutir questões relacionadas ao clima, com a participação de governos, setor empresarial, representantes da academia e do terceiro setor.




Confira as ações preparadas pela Rede Brasil para a COP:

Para esclarecer as principais dúvidas das empresas sobre o evento, a Plataforma de Ação pelo Clima da Rede Brasil do Pacto Global construiu um FAQ:

Para apoiar na contextualização da relevância dos temas que serão tratados na Conferência, você pode conferir a apresentação elaborada pela UNFCCC:

 

 



As temperaturas mundiais estão subindo por causa da atividade humana, e as mudanças climáticas agora ameaçam todos os aspectos da vida humana. Sem controle, humanos e natureza experimentarão um aquecimento catastrófico, com o agravamento das secas, maior elevação do nível do mar e extinção em massa de espécies. Enfrentamos um grande desafio, mas há soluções em potencial.

Entendemos por clima o clima médio em determinado lugar ao longo de muitos anos. A mudança climática é uma mudança nessas condições médias. A rápida mudança climática que estamos vendo agora é causada por uso excessivo de combustíveis fósseis em atividades humanas.  

Quando esses combustíveis queimam, eles liberam gases de efeito estufa - principalmente dióxido de carbono (CO2). Esses gases aprisionam o calor do Sol e fazem com que a temperatura do planeta suba.

Urgência para agir
Estamos vivendo em um código vermelho para a humanidade enfrentar a emergência climática. Enquanto o mundo continua a lutar contra a pandemia COVID-19, os impactos das mudanças climáticas continuam, e as desigualdades estão se aprofundando. O relatório do Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) divulgado em agosto afirmou que as temperaturas globais estavam "provavelmente" acima da meta de 1,5°C estabelecida no Acordo de Paris até 2040. As temperaturas globais já subiram 1,1°C e devem subir mais de 3°C até 2100 com os planos atuais, o que acarretará em consequências catastróficas para as pessoas e todos os sistemas naturais que nos sustentam.

O SG, portanto, exige uma redução pela metade das emissões até 2030 e o alcance do líquido zero até 2050. O secretário-geral da ONU, António Guterres, estabelece uma visão de uma "recuperação por meio da ação climática", convidando os governos, as empresas e a sociedade civil a se concentrarem em três pilares fundamentais da ação: a mitigação; adaptação e resiliência; e finanças. O SG observa o imperativo de descarbonizar as economias e a transição para um futuro de energia limpa, eliminando o carvão e transferindo subsídios de combustíveis fósseis para energia renovável. 

Após o apelo do secretário-geral da ONU para uma Coalizão Global para a Neutralidade de Carbono, o último ano viu um grande aumento no número de países e atores não estatais que se comprometeram com emissões líquidas zero até 2050. Este é um sinal positivo, mas as promessas de longo prazo estão vazias se não apoiadas por estratégias e ações concretas e confiáveis para reduzir as emissões.

As metas baseadas na ciência são a medida de mitigação a curto prazo e inovadora que o mundo precisa para atingir os objetivos do Acordo de Paris. Liderada pela iniciativa Science-Based Targets, a campanha Business Ambition for 1.5°C convida os líderes corporativos mais visionários a definir metas líquidas de redução de emissões baseadas em ciência alinhadas com um futuro de 1,5 °C. A campanha é apoiada por uma coalizão histórica de organizações da ONU, organizações empresariais e ONGs por trás de uma mensagem forte: Precisamos urgentemente intensificar a ambição para a melhor chance de enfrentar a crise climática.

Durante a COP, devemos demonstrar que o mundo está em um caminho crível para zero emissões, não deixando ninguém para trás, e onde as partes interessadas em todos os lugares agem decisivamente para acelerar a ambição climática. Nesse contexto, o Pacto Global da ONU promoverá o Business Ambition for Climate Action - Live diretamente da COP26, uma experiência virtual que acontecerá dia 10 de novembro.

O evento virtual, contará com executivos-chefes líderes, especialistas em sustentabilidade corporativa e líderes empresariais, além de chefes de agências da ONU e organizações da sociedade civil, que se reunirão para mostrar ações concretas para um futuro resiliente à rede zero e destacar estratégias para destravar as finanças climáticas. 

Junte-se ao Pacto Global da ONU nas sessões plenárias, incluindo a nona reunião anual de alto nível sobre o cuidado do clima ao vivo de Glasgow, que contará com sessões temáticas e oportunidades exclusivas de networking. 

Participação e Inscrição
A participação no evento virtual é gratuita para todas as empresas signatárias e partes interessadas não-empresariais, bem como parceiros.

NOSSOS PARCEIROS

APOIADORES INSTITUCIONAIS

Grupo Boticário
MRV
Klabin
AEGEA