Organização:
Copel Telecom

Região:
Sul

ODS Principal:
Paz, Justiça e Instituições Eficazes

Outros ODS:
4, 17

Respeito é para Todos (Finalista do Prêmio ODS) - Copel Telecom

 

Uma das principais causas de depressão e suicídios entre jovens, a prática do bullying tem causado tragédias em diversas partes do país – e o uso da internet como ferramenta de disseminação do ódio e de preconceitos acaba intensificando o problema. Ciente de que o estado do Paraná é um dos que registra mais casos de bullying no Brasil, a empresa de telecomunicações Copel Telecom, ligada à Companhia Paranaense de Energia (Copel), criou o Projeto Internet Sem Bullying. A finalidade da iniciativa é a de contribuir para o desenvolvimento de uma sociedade mais pacífica, na qual a internet seja um espaço de inclusão, ética e aprendizado – e não uma plataforma para o cyberbullying. Como operadora de internet de banda larga, a empresa buscou alinhar sua atuação em sua missão organizacional de “prover energia e soluções para o desenvolvimento com sustentabilidade” e com seus compromissos voluntários com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

Dessa forma, a Copel Telecom focou sua atuação na sensibilização de crianças e jovens das três últimas séries do ensino fundamental das escolas estaduais do Paraná. São realizadas palestras para alunos e professores, nas quais são explicados conceitos sobre os atos de bullying, os danos que eles trazem e as formas de se evitar a prática. Em paralelo ocorre a distribuição de cartilhas sobre o assunto, que incluem exercícios a serem tratados em sala de aula, e é feita uma pesquisa sobre o tema, por meio da qual são recolhidas sugestões e percepções sobre como lidar com o assunto.

 

Resultado

O projeto-piloto teve duração de um ano, a partir de dezembro de 2017, e atendeu cinco escolas – três em Curitiba e duas em Cornélio Procópio; em 2019 deverão ser promovidas novas turmas dentro do Projeto Internet Sem Bullying. Cerca de 770 alunos com idades entre 11 e 17 anos, participaram das iniciativas – que foram avaliadas nas pesquisas com 89% de aprovação. A Copel Telecom estimulou ainda a participação voluntária de seus colaboradores e parceiros de negócios, e busca agora articular ações setoriais de maior alcance no combate ao cyberbullying.

Participação feminina (Inova 2030)
Controle de embalagens (Inova 2030)
Empreendimento amazônico (Inova 2030)
Areia reutilizável (Inova 2030)
A energia do cacau (Inova 2030)
Reforma residencial de baixo custo (Inova 2030)
Mobilidade sustentável (Inova 2030)
Menos plástico, mais vida (Inova 2030)
Financiamento à sustentabilidade (Inova 2030)
Energia solar em aterros (Inova 2030)
Estímulo à atuação colaborativa (Inova 2030)
Formação de profissionais (Inova 2030)

NOSSOS PARCEIROS

APOIADORES INSTITUCIONAIS

Grupo Boticário
MRV