Jovem brasileira disputa final de premiação do Pacto Global

Juliana Oliveira disputa um reconhecimento entre os SDG Pioneers, ou pioneiros ODS no caminho da sustentabilidade dos negócios.

Leia Mais

Sonia Favaretto assume a presidência do Conselho da Rede Brasil do Pacto Global

Leia Mais

Líderes empresariais devem estabelecer metas de clima mais ambiciosas

O enviado especial da ONU para a Cúpula do Clima de 2019, Luiz Alfonso de Alba, lançou hoje, no Brasil, uma ação mundial do Pacto Global que clama pelo estabelecimento de metas baseadas na ciência, por parte das empresas signatárias, que permitam que a elevação da temperatura da terra não ultrapasse 1,5 °C acima dos níveis pré-industriais.

Leia Mais

A B3 apoia e considera estratégica a Agenda 2030 e interagimos com as companhias listadas para abordar a sua importância. Além disso, temos um relacionamento histórico com o Pacto Global: fomos a primeira bolsa do mundo a se tornar signatária da iniciativa, em 2004.

Sonia Favaretto, Vice-presidente da Rede Brasil do Pacto Global e diretora de Imprensa, Sustentabilidade, Comunicação e Investimento Social da B3

A Rede Brasil vem apresentado protagonismo fundamental relacionado a temas-chave de sucesso para mundo empresarial, tais como ODS, equidade de gêneros, mudanças do clima, água e questões anticorrupção. Os debates e projetos dos Grupos de Trabalho geram resultado tangível para que as empresas elevem seu desempenho, por meio do compartilhamento e desenvolvimento de melhores práticas, num ambiente de mútuo aprendizado

Rodolfo Sirol, vice-presidente da Rede Brasil do Pacto Global e diretor de Relações Institucionais e Sustentabilidade da CPFL

A BASF tem como propósito criar química para um futuro sustentável e com a ciência e a inovação contribuímos para o alcance dos ODS. A nossa participação no Pacto Global está em todos os níveis da empresa e como principal articulador dessa agenda junto ao setor privado, a iniciativa amplia o nosso olhar ao sinalizar os rumos e a evolução das discussões sobre o tema.

Cristiana Brito, vice-presidente da Rede Brasil e diretora de Relações Institucionais e Sustentabilidade para América do Sul da BASF

Estamos constantemente trabalhando para criar valor compartilhado entre a Enel e a sociedade, usando a sustentabilidade como um guia na escolha de investimentos e estratégias industriais, buscando liderar a transição energética do mundo. A parceria com o Pacto Global tem sido fundamental para apoiar essa estratégia de atuação, que inclui o cumprimento das metas formais que temos com 6 dos 17 ODS da Agenda 2030.

Marcia Massotti, vice-presidente da Rede Brasil do Pacto Global e diretora de Sustentabilidade da Enel no Brasil