COP

Todos os participantes com atividades empresariais devem publicar sua Comunicação de Progresso (COP) no site internacional do Pacto Global e compartilhar o documento junto a suas partes interessadas (por exemplo, investidores, consumidores, sociedade civil, governos, etc.).

O COP é uma exigência do Pacto Global porque:

    • É uma ferramenta de transparência e prestação de contas;
    • Promove uma contínua melhoria do desempenho da empresa;
    • Permite o resguardo à integridade do Pacto Global das Nações Unidas; e
    • Serve como apoio na construção de um banco de práticas empresariais de sustentabilidade para facilitar o diálogo e a aprendizagem sobre o tema.

Veja um modelo de COP.

Acesse o passo a passo para envio do COP

Consulte aqui o COP das empresas brasileiras.

Requisitos do COP

1. Todos os participantes com atividade comercial são obrigados a comunicar  anualmente os progressos realizados para as partes interessadas. Enquanto o formato geral é flexível, cada COP deve conter os seguintes três requisitos:

  • a) A declaração do presidente ou diretor geral expressando apoio ao Pacto Global e renovando o compromisso contínuo do participante com a iniciativa e seus princípios;
  • b) Uma descrição de ações que a empresa tem desenvolvido para implementar os princípios do Pacto Global em cada uma das quatro áreas temáticas (direitos humanos, direitos do trabalho, meio ambiente e anticorrupção);

Nota: Quando um COP não aborda uma ou mais das quatro áreas  temáticas, recomenda-se fornecer uma explicação. Exemplo: Uma empresa pequena e familiar que não tenha ações relacionadas a direitos do trabalho pode justificar os motivos da não priorização do tema.

  • c) Mensuração de resultados (ou seja, grau em que as metas / indicadores de desempenho foram atendidos, ou outras medidas de  resultados qualitativas ou quantitativas).
Níveis

O programa de diferenciação do Pacto Global classifica as empresas signatárias em diferentes níveis, de acordo com o progresso alcançado na implementação dos 10 Princípios. São eles:

  • Nível Aprendiz (Learner): para empresas cujos COPs não atendem aos três requisitos mínimos do COP. Este status será concedido por um período de 12 meses a partir da data de publicação do COP.
  • Nível Ativo (GC Active Level): para empresas que atendem a todos os três requisitos mínimos do COP. Neste nível, o objetivo do programa é encorajar a implementação dos 10 Princípios e a adoção de padrões de atuação e transparência.
  • Nível Avançado (GC Advanced Level): para empresas que atendem aos três requisitos mínimos do COP e, além disso, se empenham para ser “top performers”, respondendo a 24 questões especificas relacionadas aos quatro grandes temas do Pacto Global. Adicionalmente, espera-se que empresas deste nível também reportem suas ações seguindo o modelo de boas práticas de governança e gestão como o Blueprint for Corporate Suntainability Leadership e o UN Global Compact Managment Model. Essas modelos podem ser acessados na área.
Consequências do não envio do COP
  • A empresa que não enviar o COP dentro do prazo ficará com o status de “Não comunicante” (noncommunicating) por um ano. Se o COP não for enviado nesse tempo, a empresa será automaticamente expulsa do Pacto Global.

Alteração dos prazos do COP

Empresas podem ajustar seus prazos de submissão do COP solicitando um período de carência (Grace Period) no site do Pacto Global. Será concedido um prazo de carência de 90 dias a partir da data limite de submissão do COP. Acesse aqui o modelo de Carta de carência (Grace Letter) e o Guia para submissão.