Notícias



Eventos da Rede Brasileira do

Pacto Global

Please enable Javascript to view this calendar.

Atividades reúnem lideranças de várias organizações e representantes da ONU para discutir formas de alcançar os ODS.
Imagem: Divulgação/UN Global Compact

Delegação brasileira no Leaders Summit 2017

Publicado em 19 de setembro de 2017

Por Luísa Monteiro

As empresas brasileiras participarão ativamente do UN Global Compact Leaders Summit 2017, evento organizado anualmente pelo Pacto Global da ONU em Nova York e que este ano acontece em 21 de setembro. Das mais de 400 lideranças que se reunirão para discutir formas conjuntas de atingir os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e o Acordo de Paris, ao menos 20 são executivos de alto nível de 11 empresas membros da Rede Brasil do Pacto Global e pretendem enriquecer o debate sobre práticas sustentáveis com suas experiências locais. A delegação brasileira será formada por B3, Braskem, Clasa, Copel, Fibria, Grupo CGR, Itaipu Binacional, Itaú Unibanco, Natura, Schneider Electric, Unimed Belo Horizonte e Vale. A Presidente da Rede Brasil do Pacto Global, Denise Hills, bem como o Secretário Executivo da iniciativa, Carlo Pereira, e a Assessora de Direitos Humanos e Anticorrupção, Vanessa Tarantini, também estarão presentes.

O intuito é que delegações de diversos países, representadas por empresas, sociedades civis, governos e academia, dialoguem umas com as outras e compartilhem seus conhecimentos sobre estratégias para o cumprimento da Agenda 2030 – um prazo a ser vencido em menos de 5 mil dias. Os presentes  também debaterão inovações e formas de mensuração de impacto dos negócios responsáveis. Eles também ouvirão falas de expoentes dos setores contemplados no evento, como Lise Kingo, CEO & Diretora Executiva do UN Global Compact; Abby Maxman, Presidente e CEO da Oxfam; Paul Polman, CEO da Unilever e vários outros profissionais que são referência em suas áreas.

A última sessão do evento será a recepção e premiação dos SDG Pioneers. Este é um reconhecimento resevado a executivos de qualquer nível hierárquico que trabalhem em companhias signatárias do Pacto Global e demonstrem ações inovadoras no comprometimento com os ODS. A avaliação dos candidatos é feita por representantes do Conselho da Redes Locais, de agências da ONU, campeões do PRME e representantes da sociedade civil no board do UN Global Compact .

Única mulher da América Latina a vencer a edição de 2017, Tânia Cosentino, Presidente da Schneider Electric para a América do Sul, será contemplada com a comenda pelo trabalho pioneiro em gestão de energia e sustentabilidade. Tânia dá continuidade à representação brasileira entre os SDG Pioneers, que já contou com os premiados Ulisses Sabará (Beraca) e Sonia Favaretto (B3), únicos representantes da América Latina na primeira edição, em 2016.

O UN Global Compact Leaders Summit acontece durante a semanda da 72ª Reunião  Regular da Assembleia Geral da ONU, junto com outros eventos destinados ao setor privado, como o United Nations Private Sector Forum 2017 e o Sustainable Investment Forum. O evento será transimitido via streaming.


Tag's: Nenhuma tag relacionada