Notícias



Eventos da Rede Brasileira do

Pacto Global

Please enable Javascript to view this calendar.

Encontro reuniu 150 pessoas do setor privado e embaixadores do Brasil, Nigéria e Suíça

Escolas de negócio do PRME reafirmam compromisso pela educação com secretário-geral da ONU

Publicado em 30 de julho de 2014

As 32 instituições acadêmicas mais atuantes nos Princípios para Educação Executiva Responsável (PRME), reunidas no Champions Group, estiveram em Nova York no início de julho para encontro com a diretoria do Pacto Global e o secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-Moon.

O Brasil foi representado por Norman de Paula Arruda Filho, presidente do ISAE/FGV e do capítulo brasileiro do PRME, além de integrante da diretoria da Rede Brasileira do Pacto Global. Foram debatidos os próximos passos do movimento educacional das Nações Unidas e o papel do Champions Group na transformação da educação executiva mundial.

Em almoço organizado em parceria com embaixadores do Brasil, Nigéria e Suíça, o secretário-geral da ONU se reuniu com os representantes do PRME e também do Princípios para o Investimento Responsável (PRI).  Na ocasião, os participantes debateram a versão preliminar dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis (ODS), que trazem as novas metas da Agenda de Desenvolvimento Pós-2015.


Durante o debate, o secretário-geral destacou a importância da parceria com empresários e investidores. "Os desafios mais difíceis do nosso mundo exigem soluções que envolvem o setor privado. Nenhum setor sozinho pode diminuir a mudança climática ou reverter a perda de biodiversidade. Nenhuma entidade sozinha pode acabar com a corrupção, a pobreza e a violência, ou promover a igualdade, especialmente para as mulheres", disse o secretário-geral. "O sucesso depende de governos, empresas, investidores, educadores, ativistas e cidadãos. Juntos, podemos promover a paz e a segurança, proteger os direitos humanos e alcançar o desenvolvimento sustentável."

Norman Arruda Filho compartilhou com o secretário-geral a evolução do PRME no Brasil. O ISAE foi uma 60 instituições acadêmicas que, a convite da ONU em 2006, desenvolveram os seis princípios do PRME – definição de propósitos, ênfase em valores, desenvolvimento de métodos inovadores, engajamento em pesquisa, construção de parcerias e intensificação do diálogo com a sociedade. Atualmente, 24 instituições de educação são signatárias da iniciativa no País, comprometendo-se com a formação de uma nova geração de líderes responsáveis.

Conheça melhor os Seis Princípios do PRME e saiba como aderir.

Por ISAE-FGV, com informações da Secretaria do PRME.


Tag's: PRME Capacitação; Educação